ESCOLHER E VIVER - TRATAMENTO E QUAL. DE VIDA DOS PACIEN. RENAIS CRONICOS

Escolher e Viver - Tratamento e Qual. de Vida dos Pacien. Renais Cronicos

O MENOR PREÇO DA NET

Autor: FRANÇOIS

Editora: BOOK MIX

Assunto: ARTES
ISBN: 8561921013
ISBN-13: 9788561921019
Livro em português
Número de Páginas: 207
Edição:
Ano de Publicação: 2009
Encadernação: CAPA DURA

Compartilhar

Comprar

De R$ 85,00

Por R$ 69,00

Boleto R$ 46,00

Sinopse

Livro retrata a luta contra a doença que atinge mais de 12 milhões de brasileiros. Cerca de 95 mil renais crônicos no país dependem de diálise ou transplante para sobreviver. A realidade vivida por um grupo de pacientes que realizam Diálise Peritoneal (DP) – uma modalidade domiciliar de terapia renal – resultou na publicação do livro “Escolher e Viver – Tratamento e Qualidade de Vida dos Pacientes Renais Crônicos, um projeto realizado pela Organização ImageMágica, com o apoio da Baxter Hospitalar. O livro retrata as histórias de vida de 16 pacientes cujos cotidianos foram registrados pelo fotógrafo André François, fundador da Organização ImageMágica, que, durante 18 meses, percorreu o Brasil em busca desses relatos. A via crucis da falta de vagas para hemodiálise, a necessidade de viajar longas distâncias em busca de tratamento ou simplesmente o fato de terem contraindicação médica para hemodiálise são algumas das circunstâncias que levaram esses pacientes a se tratarem com DP. São pessoas que precisaram alterar suas rotinas após receber o diagnóstico de doença renal crônica e que, hoje, graças à autonomia que a diálise domiciliar possibilita, conseguem manter uma vida ativa e com qualidade, ressalta o fotógrafo. Para a presidente da SONESP – Sociedade de Nefrologia do Estado de São Paulo, Dra. Altair Lima, a diálise peritoneal é um excelente tratamento, que fornece segurança e qualidade de vida a seus usuários. É também, uma alternativa fundamental para solucionar o problema da falta de vagas e de adesão ao tratamento; prejudicado quando o paciente precisa viajar três vezes por semana, por longas distâncias, para se tratar. Mesmo no Estado de São Paulo existem pacientes que viajam mais de 400 Km para serem submetidos à hemodiálise. Em muitos casos a diálise peritoneal pode ser a única alternativa para manutenção da vida, ressalta a Dra. Altair. Segundo a médica, a cada ano, cerca de 4 mil pacientes renais não conseguem tratamento por falta de vagas para hemodiálise nas clínicas e hospitais do país. Eles acabam sendo atendidos de maneira precária nas emergências dos hospitais ou, muitas vezes, nem sequer são tratados. Apesar desse quadro, apenas 10 dos pacientes fazem o tratamento renal em casa no Brasil, enquanto em outros países da América Latina esse número chega a 80, como no México e 46, na Colômbia.

Disponibilidade

Produto Disponível, envio em até 1 dia útil (após confirmação) + prazo do frete

Confirmação de Pagamento
Pagamento com cartão, a confirmação será em até 24 horas, e com o boleto em até 48 horas.

OS PEDIDOS FICAM CONDICIONADOS À DISPONIBILIDADE DE ESTOQUE DA DATHABOOK OU DA EDITORA RESPONSÁVEL PELA PUBLICAÇÃO CONFORME A SUA LOGÍSTICA.

Outros Títulos desta especialidade